Notícias quentes
Página Principal / Adestramento / 6 dicas para acalmar um gato arisco

6 dicas para acalmar um gato arisco

No universo animal é difícil saber a personalidade de cada cachorro ou gato. Mas normalmente os gatos ariscos costumam ser assim desde filhotes, quando sentem medo de serem tocados. Muitos conforme vão crescendo e recebendo carinho de seus donos vão ficando menos ariscos.

Para muitas pessoas os gatos tem apenas a fama de ariscos. Mas nem todos são assim! Existem gatos apaixonantes. É claro que os gatos são bem menos domesticáveis que os cães, isso porque os gatos podem voltar rapidamente para o seu estado selvagem. Por isso, iremos falar de 6 dicas que podem ajudar a acalmar um gato arisco.

1-Não force a barra: se o seu gato é arisco não acabe forçando a barra. Não adianta querer transformar o seu gato, em um gato domesticado da noite para o dia. Eles também precisam de tempo. Você precisa respeitar o tempo dele. Não tente pegar ele no colo ou fazer carinho, se por acaso ele está fugindo de você. Isso vai apenas complicar a situação. Neste momento ele pode até arranhar você, mais por medo para se proteger.

2-Faça o uso de medicamentos homeopáticos: o uso de florais em animais domésticos tem sido adotado cada vez mais por muitas pessoas. Hoje no mercado existem muitas opções e tem diversos benefícios. Primeiro é porque são fáceis de aplicar e ainda são acessíveis e baratos se comparados a outros medicamentos. E segundo é que os recursos terapêuticos advindos destes medicamentos aliviam não somente dor, mas males de irritabilidade, transtorno emocional, ciúmes entre outros problemas. Podendo até servir como um tratamento auxiliar de tratamentos realizados em cães e gatos. Clicando aqui você pode adquirir um produto que atua na irritabilidade.

Disponível na loja online

3-Deixa ele se aproximar de você: como escrito anteriormente não force nada. Talvez ele fique dias ou até semanas sem se aproximar de você, mas você precisa respeitar ele. É preciso compreender o seu comportamento. Você pode ter certeza que ele irá procurar você quando se sentir a vontade.

4-Não use a violência:  jamais faça uso da violência. Batendo ou xingando ele você vai apenas deixá-lo mais irritado, assustado e com medo. Assim, ele logo vai perder a confiança em você.

5-Agrados e música calma: tente dar agrados para ele. Você pode até tentar conversar com ele, e por isso uma dica é sempre tentar se abaixar quando for conversar com ele. Outra dica para gatos ariscos, é deixar uma música calma tocando. Alguns pesquisadores chegaram a afirmar que a música calma pode ajudar os gatos ariscos a se sentirem mais tranquilos.

6- Mudança de comportamento, procure o veterinário: qualquer mudança estranha de comportamento procure o veterinário. Ou se o seu seu gato ficou arisco de uma hora para outra, leve-o para uma consulta. Somente o veterinário poderá diagnosticar mais a fundo o que de fato pode ser.

Lembre-se cada animal de estimação vem até a gente para nos ensinar algo. Observe  o seu comportamento, não julgue, e reflita o que você pode aprender com ele. E jamais, deixe de amá-lo!

Sobre Angelica Weise

Jornalista freelancer. Mestranda na UFSM. Escreve sobre os mais diversos assuntos e ama seus pets.

Veja também

5 brincadeiras para fazer com filhote de cachorro

Quem adotou ou comprou um pet pode se preparar que algo que eles gostam muito …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *