Notícias quentes
Página Principal / Cuidados e Saúde / Animais atuam como terapeutas no tratamento de doenças

Animais atuam como terapeutas no tratamento de doenças

Quem não se sente melhor na companhia de animais de estimação? Muitos atuam como verdadeiros terapeutas. Nos fazem sentir melhor diante de situações difíceis,e  tudo acaba ficando mais leve! Conheça então a Pet Terapia.

É por isso que cada vez mais a Terapia Assistida por Animais (TAA), popularmente conhecida como Pet Terapia tem contribuído para a recuperação de pacientes com doenças, amenizando a dor e aumentando o seu bem estar.

 Afinal, quem não se sente bem ao lado de um animal de estimação? Mas como funciona? A pet terapia é um serviço que leva cachorros treinados para visitar pacientes de todas as idades, desde idosos até adultos e criança seja em hospitais, ONGs.

 Benefícios da Terapia Assistida por Animais (TAA

Pesquisas já vêm apontando inúmeros benefícios da Pet Terapia para pacientes doentes. Entre eles estão:

  • Ajuda a reduzir a dor;
  • Diminui a ansiedade e estresse;
  • Aumenta socialização e qualidade de vida;
  • Contribui com tratamentos em diversas áreas da saúde;
  • Aumento na disposição física;
  • Aumento da expectativa de vida;
  • Aumento da interação social e concentração;

De fato para muitos pacientes que estão internados nos hospitais, ficar longe do seu animal de estimação lhe entristece. Dessa forma, eles podem ser o “remédio” perfeito para ajudar a amenizar dores, sejam elas físicas ou emocionais.

No Brasil, muitas instituições e ONGs também trabalham levando esses animais até escolas, hospitais e centros de recuperações porque perceberam uma melhora significativa em seus pacientes.

Qual o animal certo para a pet terapia?

Infelizmente não são todos os animais que podem atuar como terapeutas ajudando pacientes em sua recuperação. Eles precisam ser tranquilos, ter uma personalidade que as pessoas possam abraçar, beijar e apertar, sem que ele reaja, mordendo ou assustando os pacientes.

Na pet terapia normalmente participam cachorros e cavalos. Eles são treinados por profissionais para conviver em harmonia com estranhos.

Características dos cachorros que participam da pet terapia

  • Personalidade leal e nobre;
  • Atléticos, com força e energia para o trabalho;
  • Que saibam obedecer às ordens rapidamente;
  • Afetuosos;
  • Que não sejam extremamente independentes.

Neste caso, qualquer paciente pode ser beneficiado, desde que não haja alguma contraindicação, como por exemplo, medo de animais, alergia ou problemas de respiração. O paciente precisa querer e liberar o tratamento!

Animais no tratamento de doença

Há vários estudos mostrando que a pet terapia pode trazer benefícios para o paciente. Um destes estudos foi publicado na Revista de Medicina. O artigo é resultado de um estudo realizado em uma casa de repouso em Vila Velha, no Espírito Santo, com 25 idosos hipertensos.

Há ainda outros estudos mostrando que pacientes tem benefícios quando submetidos a pet terapia. Muitos afirmam que tem uma sensação de felicidade com a chegada dos animais e isso deixava a rotina menos pesada e o tratamento também.

Animais de estimação: benefícios para a vida

Cada vez mais pesquisas vêm mostrando que a relação e o convívio com animais de estimação faz muito bem a saúde das pessoas. Por isso, surgem evidências de que, além da amizade e do carinho, o convívio com eles traz ganhos palpáveis à saúde.

Muitas famílias acabam procurando um animal de estimação apenas para fazer companhia, porém logo percebem que os benefícios são inúmeros. Isso porque criar um animal de estimação em casa de forma adequada ou apenas o contato constante com eles traz muito mais benefícios para o ser humano do que ele imagina.

Isso é apontado cada vez mais pelos estudos. Um deles é da Universidade britânica de Cambridge, que lá em 2002, comprovou que a maioria das pessoas que adquirem cães desenvolve segurança e autoestima.

Tudo isso é maravilhoso, mas também precisamos saber que eles demandam cuidados e por essas e outras razões não se deve desprezá-los. E com os estudos científicos essas influências animais só tendem a aumentar.

Referência

Artigo científico Scielo.

VIEIRA, Fernanda de Toledo et al. Terapia assistida por animais e sua influência nos níveis de pressão arterial de idosos institucionalizados. Revista de Medicina, São Paulo, v. 95, n. 3, p. 122-127, dez. 2016. ISSN: 1679-9836. Disponível em:.Acesso em: 02 jan. 2017.

Sobre Angelica Weise

Jornalista freelancer. Mestranda na UFSM. Escreve sobre os mais diversos assuntos e ama seus pets.

Veja também

Qual a melhor raça de cachorro para apartamento

Qual a melhor raça de cachorro para apartamento É difícil conciliar vontade com a realidade …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *