Notícias quentes
Página Principal / Cuidados e Saúde / Animais de estimação na gravidez! Quais os cuidados?

Animais de estimação na gravidez! Quais os cuidados?

É comum dúvidas a respeito dos animais de estimação na gravidez! Quais os cuidados? Será que é perigoso? Muita calma nessa hora e compreenda que  não precisa se desfazer de seu animal de estimação apenas porque está grávida.

Até já abordamos em outro texto (confira), o aumento de cães e gatos abandonados quando a família aumenta. E essa é uma triste realidade que jamais deveria acontecer. Para muitas pessoas, animais de estimação fazem parte de suas vidas e se tornam membros da família no próprio espaço, suas necessidades e hábitos, e o mesmo se espera quando a mulher engravida.

Gravidez e animais domésticos em casa

animais na gravidez

Uma preocupação comum entre as mulheres grávidas que vivem junto a animais de estimação é se estar em contato com os animais de estimação (cães e gatos) envolve algum risco para o desenvolvimento do feto e o final da gravidez. Mas é preciso ficar tranquilo. Os cachorro e gatos jamais vão colocar em risco a gravidez se estiverem vacinados, além de ter outros cuidados relacionados.

Cuidados de forma geral

  • Animais de estimação devem ser saudáveis ​​e verificados periodicamente pelo veterinário;
  • Evite tocar ou cheirar a comida da família;
  • Sempre que a mulher grávida os toca, ela deve lavar bem as mãos , especialmente se ela for manipular alimentos ou comer.
  • Evitar cuidar da limpeza de animais ou pertences. Se tiver que fazer isso, tem que ter muito cuidado, usar luvas e lavar bem as mãos.

O cuidado com os gatos

animais na gravidez

Uma das maiores preocupações de saúde relacionadas a animais de estimação é a toxoplasmose, um parasita que os gatos podem carregar e excretar em suas fezes.

Embora as chances de ser infectado sejam muito baixas, especialmente se tiver gatos em ambientes fechados, a toxoplasmose pode ser prejudicial ao bebê durante (ou imediatamente antes) sua gravidez. Os cuidados  junto aos gatos durante a gravidez implicam:

  • Gatos que vivem na mesma casa que mulher grávida também devem seguir algumas orientações relacionadas à sua vida e hábitos alimentares;
  • Eles devem comer ração comercial;
  • Qualquer outro alimento deve ser cozido a altas temperaturas por 10 minutos;
  • No caso de alimentá-los de carne crua, deve ser congelado a temperaturas abaixo de -20ºC por 2 dias;
  • Evitar o gato de caçar, por isso é conveniente a supervisionar suas saídas ao exterior da casa;

Médicos e veterinários concordam que gatos domésticos controlados não apresentam risco de contágio da toxoplasmose as mulheres grávidas.

Cuidado com os cachorros

Se o cachorro foi ao veterinário este ano e está atualizado sobre suas injeções de raiva, é desnecessário a preocupação neste período.

Como precaução extra,  pode tê-lo examinado  em intervalos regulares (especialmente se for permitido soltar).

Sabe-se que parasitas de animais infectam humanos. Embora o efeito da infecção parasitária em um feto seja desconhecido, a doença vivenciada pela mãe  pode afetar o bebê.

Outros cuidados gerais

  • Coma a carne sempre cozida em altas temperaturas por 10 minutos ou congelada a -20ºC por dois dias, se for consumir mal cozida.
  • Lave bem os legumes antes do consumo.
    Beber apenas água potável, de origem conhecida, ou depois de filtrada / fervida, se a sua proveniência é desconhecida.
  • Use luvas durante a jardinagem e ao manusear carnes cruas, ou lave as mãos adequadamente depois de fazer isso.
  • As bandejas de areia dos gatos devem ser limpas diariamente;

Benefícios de ter um cachorro e gato durante a gravidez

animais na gravidez

Eles vão cuidar de vocês

Um cachorro é um símbolo de empatia, ele o compreenderá perfeitamente e estará à sua espera 24 horas por dia. Eles dizem que os cachorros têm um significado especial as mulheres grávidas, que eles sabem como se sentem e sabem como fazê-los se sentir bem. Além disso, jamais o abandone, porque ele sabe que  vai estar 100% com você. Que amizade verdadeira!

Você saberá o momento exato em que o bebê nascerá

Antes de ter as últimas contrações, não se surpreenda se o cachorro começar a trazer seus sapatos e sua bolsa ao hospital.

Ele pode sentir quando o bebê está prestes a vir ao mundo. Estará ao seu lado, ficando ao seu lado a todo momento

 Você nunca estará sozinho

Se  é uma mãe solteira ou não, provavelmente ela nunca estará sozinha. Terá com quem compartilhar a gestação. Mesmo que seja com um animal de estimação.

Outros cuidados

  • Evite o cachorro pular em sua barriga.
  • Se o cachorro tem maus hábitos, como morder ou pular, treine-o a parar de fazer essas coisas antes de ter o bebê.
  • Verifique se as vacinas do cachorros estão atualizadas. Faça isso antes que o bebê nasça.
  • Se você e o cachorro estão especialmente próximos, peça ao seu parceiro ou a um membro da família em passar mais tempo junto a ele. Como seu bebê levará muito do seu tempo e atenção, fazer que o cachorro desenvolva relacionamentos com outras pessoas pode ajudar a prepará-lo  as mudanças que virão quando o bebê estiver em casa.

Ou seja, a gravidez não é motivo em abandonar o seu animal de estimação. Apenas tenha cuidado e usufrua dessa companhia! A gravidez pode ser ainda mais agradável na companhia de seu gato ou cachorro.

Sobre Angelica Weise

Jornalista freelancer. Mestranda na UFSM. Escreve sobre os mais diversos assuntos e ama seus pets.

Veja também

Leptospirose canina: como prevenir?

A leptospirose é uma doença zoonótica , o que significa que pode ser transmitida entre …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *