Notícias quentes
Página Principal / Todos as postagens / Como apresentar cães e gatos a outros animais?

Como apresentar cães e gatos a outros animais?

Se você está pensando em adotar um gato e já tem um cachorro em casa, é muito importante que você se informe bem sobre como fazer as apresentações corretamente. O primeiro contato pode marcar o relacionamento entre eles no futuro.

Além disso, você precisará conhecer algumas regras básicas para que todos se sintam à vontade em casa sem incomodar o outro.

Em geral, cães e gatos são animais perfeitamente compatíveis, mas o mau gerenciamento da situação de nossa parte pode arruinar a coexistência entre eles.

Aqui estão algumas dicas para que isso não aconteça.

3 dicas para aproximar cachorro e gato

cachorro e gato

1- Como está o seu cachorro?

Antes de tomar a decisão de adotar um gato, avalie objetivamente se seu cão será um bom companheiro para ele.

Observe como ele reage quando encontra um gato na rua. Descarte a ideia de introduzir um gato na família se detectar que seu cão tem comportamento predatório quando vê um gato. Ou seja, se ele se colocar em tensão e tentar correr para caçá-lo.

Se o seu cão simplesmente mostra curiosidade ou até indiferença, esse é um bom ponto de partida.

2- Que tipo de gato adotar?

Um gato jovem pode facilmente se acostumar a tolerar a presença de um cachorro porque seu período de socialização ainda está aberto. No entanto, existem muitos gatos adultos que também se adaptam bem à vida com um cachorro.

Pessoalmente, não gosto de apoiar apenas a adoção de filhotes, porque isso significa negar a oportunidade a animais que não são mais tão jovens. Na verdade, acho que você tem que escolher o gato seguindo as instruções dos profissionais do protetor que nos dá para adoção ou do criador que nos atende . Você precisa confiar no profissionalismo e nos critérios deles, porque são eles que conhecem o animal que estamos levando para casa.

3- Prepare um abrigo para o gato

cachorro e gato

O gato é um animal independente que precisa de seu próprio espaço. Portanto, certifique-se de fornecer um abrigo adequado.

Idealmente, escolha uma sala silenciosa e longe do degrau para colocar tudo o que você precisa: cama, cocho, bebedouro, caixa de areia, área para arranhar e brinquedos. Gatos gostam de “alturas”, então você deve garantir que o abrigo seja elevado.

Temos espaço suficiente? O que faremos se eles se dão mal?

É importante ter espaço e elementos suficientes para garantir a tolerância de ambos os animais; por exemplo, será muito conveniente instalar passarelas e ter vários ninhos nos quais o gato pode se esconder, se desejar. O espaço também é importante para poder colocar vários bebedouros e alimentadores , além de brinquedos, objetos que podem gerar disputas na convivência.

E então está preparado? Lembre-se de início de não deixar gato e cachorro sozinho. A socialização é muito importante.

 

Sobre Angelica Weise

Jornalista freelancer. Mestranda na UFSM. Escreve sobre os mais diversos assuntos e ama seus pets.

Veja também

Lulu da Pomerânia

Lulu da Pomerânia: saiba tudo sobre a raça

Ter um cachorro pode ser uma aventura e tanto. Com certeza adotar um companheiro destes …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *